O

rigem


O American Bully, como o nome sugere, surgiu nos Estados Unidos em meados dos anos 80 e 90. A raça é resultado de sucessivos cruzamentos entre uma série de outras raças. Ainda não se sabe ao certo quais deram origem ao American Bully.

Entretanto, existe um consenso entre a comunidade científica que o American Staffordshire Terrier e diferentes tipagens do Buldogue também participaram desse cruzamento. Por isso, o American Bully acabou herdando inúmeras características desses animais.

Como o American Pitbull Terrier também fez parte da genética do American Bully, a raça se popularizou entre os criadores de Pitbull mundo afora, que passaram a enxergar nesses cães as características marcantes dessa raça.

Os cruzamentos tinham como objetivo gerar uma raça extremamente dócil, mas que tivesse uma aparência severa e até assustadora para alguns. 

Características físicas


O American Bully logo chama a atenção por sua aparência. São cães baixinhos, com uma musculatura bem desenvolvida e uma cabeça larga e pesada. De aparência forte e vigorosa, existem quatro tipos oficiais da raça: o pocket, o standard, o classic e o XL, que se diferenciam basicamente pelo tamanho.

Sua pelagem é bem curtinha e, por isso, não exige muitos cuidados específicos. Como o cão perde poucos pelos durante o ano, o ideal é manter rotinas básicas de banhos regulares. 


Ah, e o American Bully pode ter várias cores, como o cinza, o preto, o branco e variações que mesclam o marrom e o caramelo, por exemplo.


Que tal não perder as datas corretas de banhos e cuidados com a higiene do seu pet? Cadastre-o em nossa plataforma gratuitamente e tenha acesso ao assistente virtual Guiavet.


QUERO CADASTRAR MEU PET

Personalidade


O American Bully é um cão extremamente dócil e companheiro. A raça é sociável, o que quer dizer que tende a se dar bem com outros animais e com a família toda. Por isso, também são ótimos cães para crianças.

Muitos tutores se enganam acreditando que o cão irá desenvolver comportamentos agressivos ao longo da vida por causa de sua aparência. No entanto, isso é algo extremamente raro e, claro, vai depender da criação desde que o cão ainda é um American Bully filhote.

São protetores, então é comum que façam rondas pela casa e fiquem em estado de alerta caso acreditem que existe uma ameaça por perto de seus tutores. Além disso, são cães brincalhões e que gostam de passeios, mas com moderação pois não têm tanta energia.


Curiosidades


  1. A tradução direta de American Bully significa Valentão Americano. Isso está ligado ao porte da raça e à sua aparência.
  1. O American Bully não tem muita tendência para latir. Ele irá vocalizar, na maioria das vezes, quando seu instinto protetor for alertado.
  1. Um dos maiores cães dessa raça chegou a pesar cerca de 80 quilos e ficou mundialmente conhecido.


E aí, também se surpreendeu no tanto que o American Bully pode ser fofo? Sabemos que a raça continua dando boas surpresas nos tutores, no bom sentido, claro. No fim das contas, esses cães são irresistíveis e estão prontos para dar e receber carinho.


Ainda tem alguma dúvida sobre a raça? Manda pra gente!

Postado em
February 10, 2022
na categoria
Raças

Mais artigos em:

Raças

ver todos