S

e você chegou até esse artigo, significa que gosta mesmo de gatos, hein? Nós amamos! Por isso, vamos desmistificar alguns mitos sobre gatos que falam por aí, como por exemplo: “por que dizem que os gatos são traiçoeiros?” Ou “gato preto dá azar?” Em 13 tópicos, iremos explicar por que muitos dos mitos sobre gatos não fazem sentido. Continue lendo e descubra todos eles! 

1 - Gatos têm coração frio

Apesar de a personalidade dos gatos ser mais independente, isso não significa que eles tenham um coração frio. Os gatinhos aproveitam sua solidão, não costumam fazer uma festa quando você chega em casa nem demonstram estar super animados, mas isso não significa que os gatos não gostam de carinho. 

Fique atento(a) aos sinais! Quando os gatinhos ficam entre suas pernas, esbarram a cabeça ou o queixo em você, é um sinônimo de carinho. 

2 - Gato pode tomar leite 

É comum vermos em desenhos animados, filmes ou séries gatos bebendo leite, mas da última vez que verifiquei, havia um total de zero gatos que vieram de uma vaca! Brincadeiras à parte, os nutrientes do leite de vaca são inadequados para gatinhos e têm muitas calorias. Além disso, com o passar da idade, os gatos param ou diminuem a produção da enzima lactase, que faz a digestão da lactose (componente principal do leite), logo podem apresentar vômitos, diarreia e dor abdominal ao ingerir esse alimento. Portanto, não ofereça leite de vaca ao seu bichinho. 

Se, por acaso, você tiver um gato recém-nascido, procure um veterinário de confiança para te orientar da melhor maneira possível sobre a opção mais adequada de leite para gato filhote. 

3 - Os gatos não conseguem se relacionar

Mais um dos mitos sobre gatos que falam por aí é que eles têm personalidade forte e são difíceis de se relacionar. É verdade que vivem bem sozinhos, porém existem algumas raças de gatos mais sociais que outras. Além disso, a forma como o tutor socializa esse gatinho pode fazer toda a diferença. 
Você sabia que muitos gatos convivem super bem com outros gatos, cachorros e outros pets em geral? Pois é! Converse com seu veterinário, busque dicas sobre como socializar gatos e se surpreenda!

4 - Gatos têm 7 vidas

É verdade que o gato tem 7 vidas? Esse é mais um daqueles mitos sobre gatos que falam por aí. Uma vida é tudo que todos os seres vivos têm. No entanto, é uma boa oportunidade para um lembrete: leve seu gato ao veterinário regularmente, mesmo que eles nunca saiam de casa. 

Por outro lado, você sai de casa e pode, mesmo sem querer, levar algum microrganismo maléfico, ou, quem sabe, o seu gatinho pode encontrar um amigo peludo vizinho  É muito importante que você acompanhe a saúde do pet para garantir bem-estar e uma vida confortável ao seu animalzinho. 

5 - Gato pode comer chocolate

Se você acha que pode dar chocolate para gato, a resposta é: não! O chocolate pode ser tóxico para qualquer animal de estimação e deve ser armazenado em um local seguro para os pets. Se você quer cuidar do seu animal de estimação e oferecer a ele um mimo, aposte em petiscos ou sachês para gatos. Pode ter certeza que eles vão adorar e não terão qualquer consequência negativa ingerindo adequadamente esse tipo de alimento. 

6 - Gatos enxergam no escuro

Mesmo que eles possam ver no escuro muito melhor do que nós, meros seres humanos, eles ainda precisam de uma quantidade mínima de luz para enxergar qualquer coisa. Seria muito legal se eles tivessem visão noturna, não é?

7 - Gatos não gostam de água

Você já deve ter se perguntado por que gatos não gostam de água, não é mesmo? Tal e como os itens anteriores, esse é mais um dos mitos sobre gatos, e os Maine Coons estão aqui para provar que isso está errado. Eles são uma raça de gatos gigantes que adoram dar um mergulho! Além disso, só porque eles tomam banho de maneira diferente de nós, não significa que não estejam limpos: nós usamos água, eles usam a língua. Inclusive, os gatinhos são muito mais higiênicos que outros animaizinhos. 

8 - Gato preto dá azar 

Dessa lista de mitos sobre gatos, esse tópico é um dos mais chocantes, afinal gato preto não dá azar. Essa história toda começou na Idade Média, quando se acreditava que as mulheres bruxas se transformavam em gatos pretos e, por isso, cruzar a rua com um gato preto era sinônimo de azar. Os bichinhos eram queimados vivos, e ninguém queria ter um deles em casa. Que loucura, né?
Em outras culturas, como no Egito, os gatos eram animais sagrados e super respeitados na sociedade. 

Sabemos que as características dos pets são resultado da combinação genética dos genitores, ou seja, não têm qualquer relação com a sorte ou azar, é uma questão científica. Na verdade, os gatinhos pretos (e outras cores) trazem felicidade à sua vida! 

9 - Gato sempre cai em pé 

É verdade que os gatinhos têm um excelente equilíbrio e costumam cair em pé, mas isso não significa que as pessoas devam brincar de jogá-los no chão para comprovar isso, afinal pode causar lesões e sérios machucados nos felinos. 

10 - Mulher grávida não pode ter gato em casa

Esse é um dos mitos sobre gatos que mais assusta os seres humanos. A toxoplasmose é uma doença causada por um parasita, o protozoário Toxoplasma gondii, e é bastante comum, sobretudo, em países de clima quente, como no Brasil. A condição pode levar a diversas complicações, como o aborto. 

É conhecida como a “doença do gato” pois se pensa erroneamente que eles são os únicos que podem transmiti-la, por meio de suas fezes. Na verdade, o que acontece é o seguinte: os gatos são hospedeiros definitivos do Toxoplasma, que consegue completar seu ciclo de vida e eliminar seus cistos (semelhantes a ovos), levando à contaminação do ambiente, o que inclui água e alimentos.

Para um ser humano se contaminar, é necessário ingerir folhas sem limpeza adequada ou carnes cruas ou mal-passadas de hospedeiros intermediários. Por exemplo, a vaca ingeriu cistos, que se alojam na carne. Logo, o maior problema dessa doença é o abandono: deixar o gato passear e a má limpeza de alimentos e da caixa de areia.

O gato não é o vilão da história. Ele é só uma vítima que recebe a culpa. Por isso, fique sempre atento(a) à saúde do seu animal, visite frequentemente um veterinário(a) de confiança e siga suas recomendações.

11 - Gatos não precisam de cuidados

Como já mencionamos anteriormente, apesar de os gatos serem mais independentes do que os cachorros, isso não significa que não precisam de cuidados especiais. Quando nos disponibilizamos a cuidar de qualquer tipo de vida, é importante ter em conta que devemos ter responsabilidade, compromisso e tempo para oferecer. 

Se você está pensando em adotar um gato ou se você já tem um, deve compreender quais são os cuidados básicos necessários, suas necessidades específicas, visitar com frequência um veterinário de confiança, manter em dia suas vacinas e dar a ele muito amor, brincadeiras e carinho. 

12 - Gato demonstra felicidade quando está ronronando 

O ronronar de um gato é uma das suas formas de comunicação. Observando seu ronronar e comportamento, você pode compreender a mensagem que seu bichano quer passar.

É comum que os gatos ronronem quando estão felizes, mas também pode significar que estão com dor, medo ou incomodados. Sendo assim, é importante ficar atento(a) ao contexto da situação e aos comportamentos do seu pet para compreender sua linguagem e o que ele está querendo comunicar. 

13 - Gatos não podem ser adestrados 

O último tópico do nosso blog post a respeito dos mitos sobre gatos é para lembrar que os bichanos podem sim ser adestrados. Na verdade, qualquer animal pode ser adestrado, porém é necessário ter paciência, constância e utilizar as técnicas corretas. 

Geralmente, é um processo lento, que exige esforço tanto do adestrador como do adestrado, mas que pode ser extremamente satisfatório.  

Gostou do nosso blog post? Continue nos acompanhando e saiba cada vez mais a respeito do mundo animal.

Postado em
March 3, 2021
na categoria
Notícias e Curiosidades

Mais artigos em:

Notícias e Curiosidades

ver todos