A g

estação em cadelas é um período crucial que demanda atenção especial e cuidados com seu animalzinho. Se você está se preparando para receber filhotes caninos ou já tem uma cadela prenha em casa, é essencial compreender os cuidados necessários para garantir a saúde da mãe e dos futuros filhotes. A seguir, abordaremos diversas áreas, desde a administração de vermífugos até os sintomas do parto, oferecendo informações valiosas para manter sua cadela saudável e feliz durante todo o processo.

Cadela prenha pode tomar vermífugo?

Uma dúvida comum que pode surgir de cadelas prenhas é se é seguro administrar vermífugos durante a gestação. A resposta é sim, mas com ressalvas. A vermifugação em animais é um procedimento crucial para a manutenção da saúde e bem-estar dos pets. Consiste na administração de medicamentos antiparasitários, conhecidos como vermífugos, com o objetivo de combater infestações por vermes e parasitas intestinais. A desparasitação deve ser feita sob orientação veterinária e com produtos seguros para gestantes. 

Além de prezar pela saúde da cadela gestante, alguns parasitas intestinais podem ser transmitidos para os filhotes durante a gestação ou no momento da amamentação. Por isso, cadelas prenhas devem ser vermifugadas no tempo correto para que os filhotes e a cadela sejam protegidos adequadamente. 

Mas devemos sempre lembrar que a vermifugação faz parte de um tratamento, e deve ser feita sempre com a orientação de um médico veterinário. Nem todas as medicações são adequadas para cadelas prenhes ou podem existem alguns componentes que trazem riscos durante a vermifugação. É fundamental conhecer seu cãozinho, suas peculiaridades e entender quais os vermes que estão o infectando para fazer a escolha adequada do vermífugo.

Respiração ofegante em cadelas prenhas: O que pode significar?

É bastante comum notarmos as cadelas prenhas ofegantes, principalmente nos últimos dias de gestação. Entretanto, é fundamental diferenciar entre a respiração normal de uma cadela prenha, que é mais curta e rápida normalmente, e sinais de desconforto ou problemas respiratórios que também podem estar acontecendo. Caso a respiração ofegante seja excessiva ou acompanhada de outros sintomas preocupantes (como prostração, roncos, desmaios, falta de apetite, ou secreções), consulte imediatamente um veterinário para garantir que tudo esteja bem com a saúde da mãe e dos filhotes.

Durante a gravidez, as cadelas passam por diversas mudanças fisiológicas para acomodar o crescimento dos filhotes. O aumento do volume abdominal e a pressão exercida sobre os órgãos internos podem causar desconforto na cadela grávida e, consequentemente, levar a uma respiração mais rápida.

Principalmente nas últimas semanas que antecedem o parto, a respiração da cadela prenha pode apresentar uma respiração mais curta e rápida. Isso ocorre pois há a expansão do útero que irá comprimir o diafragma, que é o músculo que separa os órgãos do abdômen e tórax, e reduzir o espaço disponível para os pulmões. Sendo assim, se você tem uma cadela prenha ficando mais ofegante, e ela já se aproxima do 58}pode significar que ela esteja se aproximando da data do parto.

É importante que você conheça seu animalzinho, há raças que já são predispostas a apresentar alterações no padrão respiratório como em Pugs. Por isso, é crucial o acompanhamento com o Médico Veterinário, antes mesmo da cadela ficar prenha. Desse modo, você poderá ficar mais tranquilo e a cadela e os filhotes ficarão em segurança. 

Sinais clínicos do parto em cadelas: Identificando os sinais precoces

Alguns sinais podem indicar que o parto está próximo como, agitação, busca por um local tranquilo, lambidas excessivas na região abdominal e diminuição do apetite. Observar esses sinais permitirá que você esteja preparado para auxiliar durante o nascimento e garantir um ambiente seguro para os recém-nascidos. 

Cerca de 24 horas antes do parto, a temperatura corporal da cadela pode diminuir, indicando que o trabalho de parto está se aproximando. Monitorar a temperatura regularmente nos dias que antecedem o parto pode oferecer pistas importantes.

Cadelas prenhas quando estão próximas do parto começam a preparar “ninhos” para receber os filhotes, se você observar que seu animalzinho está buscando materiais macios e aconchegantes e arranhando o chão, pode indicar que ela está se preparando para o nascimento. 

Além disso, a perda de apetite pode indicar um sinal do início do trabalho de parto, porém, a cadela prenha não deve deixar de se alimentar por vários dias. Peça ajuda a um veterinário para manter a integridade da saúde da cadela e de seus filhotes. Não se desespere e se prepare para saber o que fazer na hora do parto.

Caso tenha qualquer dúvida durante o parto ou, o intervalo entre um filhote e outro exceder 60 minutos, consulte o Médico Veterinário de sua confiança.

Banho em cadelas prenhas: Quando é seguro?

Muitos de nós ficam preocupados com a higiene de suas cadelas prenhas e questionam se é seguro dar banho durante a gestação. Em geral, não há problemas em oferecer banhos regulares, desde que seja feito com shampoos específicos para cães, sem o uso de substâncias que possam prejudicar a mãe ou os filhotes. 

No início da gestação não há contraindicação para dar os banhos na cadela no entanto, é recomendável evitar banhos nos últimos dias antes do parto, para não estressar a cadela nesse momento delicado.

Ao dar banho em cadelas prenhas, certifique-se de usar produtos específicos para cães, evitando shampoos ou condicionadores que possam conter substâncias agressivas. Opte por fórmulas suaves e hipoalergênicas. 

É importante evitar situações estressantes para o animal, como jatos de água muito quente ou secadores com temperatura elevada. Se não se sentir confortável em dar banho na cadela prenha ou se ela demonstrar desconforto, é aconselhável buscar a ajuda de um profissional de banho e tosa, que está familiarizado com as necessidades específicas das cadelas gestantes.

Durante o banho, observe se a cadela irá apresentar qualquer sinal de desconforto e ansiedade. Caso haja alguma alteração durante o banho, interrompa imediatamente e procure orientações do Médico Veterinário. 

A importância do acompanhamento veterinário

Por fim, é fundamental ressaltar a importância do acompanhamento veterinário durante toda a gestação. O Guiavet pode te ajudar em todos os momentos, seja para determinar o momento ideal para a administração de vermífugos, identificar possíveis problemas respiratórios ou orientar sobre os cuidados pré e pós-parto, a presença de um profissional de saúde animal é essencial. Durante a gestação, uma série de mudanças fisiológicas ocorrem no corpo da cadela, e a orientação profissional é essencial para garantir uma gestação saudável.

O veterinário desempenha um papel crucial desde o início da gestação, ajudando você a entender as necessidades específicas da cadela prenha. Exames de ultrassom e outros métodos de diagnóstico são frequentemente utilizados para confirmar a gestação, estimar o número de filhotes e identificar possíveis complicações.

Além disso, o veterinário pode fornecer orientações sobre a nutrição adequada durante a gestação. Uma dieta balanceada é crucial para garantir que a cadela receba os nutrientes necessários para o desenvolvimento saudável dos filhotes, e por isso é muito importante cuidarmos da alimentação da cadela prenhe. Suplementos específicos podem ser recomendados para atender às demandas aumentadas de vitaminas e minerais.

Durante o pré-parto, o veterinário pode ajudar a identificar sinais de trabalho de parto iminente, deixando você mais tranquilo para o grande dia. Caso necessário, intervenções médicas podem ser realizadas para garantir um parto seguro e saudável. Saiba quando procurar um veterinário online.

Após o nascimento, o acompanhamento veterinário continua. O profissional auxiliará na avaliação do estado de saúde dos filhotes, garantindo que recebam os cuidados necessários nas primeiras semanas de vida. Recomendações sobre nutrição, desparasitação e vacinação dos filhotes também fazem parte do acompanhamento pós-natal.

A importância do acompanhamento veterinário em fêmeas prenhas vai além da confirmação da gestação. Envolve a promoção da saúde materna, a prevenção de complicações e o suporte contínuo desde a gestação até o período pós-parto. O vínculo entre você, a cadela gestante e o veterinário é essencial para assegurar uma experiência gestacional positiva e o nascimento de filhotes saudáveis.

Ao adotar esses cuidados específicos para cadelas prenhas, você proporcionará um ambiente saudável e seguro para sua cadela e seus futuros filhotes. A gestação é um período único e delicado, e ao oferecer os cuidados adequados, você contribui para o bem-estar de toda a família canina.

Gostaria de saber mais cuidados com os filhotes recém-nascidos? Confira nosso texto completo: Saiba os principais cuidados com cachorro recém-nascido no blog Guia Vet

Postado em
November 22, 2023
na categoria
Saúde